capa

O agora ex-ministro da Educação Abraham Weintraub pode ser considerado ilegal pela lei americana e acabar deportado dos Estados Unidos se tiver utilizado o passaporte diplomático de ministro, afirmou o advogado constitucionalista Marcellus Ferreira Pinto. Weintraub deixou ontem o Brasil em direção aos EUA, onde pode assumir um cargo no Banco Mundial. Ele chegou hoje a Miami, e sua exoneração só foi publicada após a confirmação de que ele já se encontrava no exterior. Ele havia confirmado sua saída do cargo de ministro na última quinta-feira (18).